Por aí – 2

Para quem não conhece, ou não é do Rio de Janeiro, o metrô disponibiliza, em algumas estações, bicicletários.

A iniciativa é bem bacana, e para mim seria bem útil já que a estação fica a uns 10 quilômetros da minha casa. Porém o serviço do metrô do Rio de Janeiro é muito ruim, pois são poucos trens para muitos passageiros. Então eu acabo indo de ônibus “tarifa” (como os cariocas chamam aqueles ônibus tipo ônibus de viagem, com ar-condicionado, etc). O segundo problema seria onde tomar banho e trocar de roupa na empresa que eu trabalho. Como eu sempre digo, no Brasil não é tão simples ir de bike para o trabalho, ainda mais para quem trabalha em escritório como eu! Depois de destilar litros de suor, pois na maioria das regiões do país o clima é quente mesmo no inverno, tomar um banho seria o mínimo necessário ao biker.

O metrô do Rio de Janeiro também permite nos domingos e feriados que os clientes levem suas bikes no último vagão das composições. Isso é legal para quem mora na parte final da linha 2 e quer, por exemplo, pedalar na área central da cidade ou nas praias da zona sul. É chão da Pavuna, por exemplo, até qualquer praia (mesmo até a Barra da Tijuca, ao menos pelos caminhos que eu conheço).

20110328-195057.jpg

Bicicletário da Pavuna – estação final da linha 2 do metrô.

Anúncios

Sobre jeanjmichel

Analista de sistemas, casado, pai de gêmeas, ciclista amador, professor Padal nas horas vagas e viciado em tecnologia ;)
Esse post foi publicado em por aí e marcado , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s