Fica a dica 1 – Compras no exterior

Só quem é/já foi atleta de alguma modalidade e levou isso a sério sabe como é difícil se dedicar a um esporte neste país sem incentivo nenhum aos esportes.

Sei disso, pois já pratiquei judô com o intuito de competir, ter uma carreira, etc. Se não fossem pelos meus pais e por mim mesmo eu jamais teria pisado em um tatame, ou mesmo competido.
Quando fazia judô (e mais tarde jiu-jitsu) o clube/academia não era capaz de pagar para seus melhores atletas (aqueles que traziam medalhas) uma inscrição se quer nos campeonatos. Conheci um garoto que era (não sei se ainda é) um excelente lutador de jiu-jitsu e deixou de participar de uma etapa do gaúcho de jiu-jitsu por não ter a grana da inscrição (algo como 30 Reais). Assim como um clube bem tradicional de judô deste país que nunca deixou de cobrar a mensalidade de judô (paga separadamente da mensalidade do clube) dos seus atletas do que chamavam de “equipe de competição”. Enfim, como disse o Cap. Nascimento “fica quem quer”.

Ainda tem o agravante de muitos esportes não terem fabricantes de peças e acessórios aqui no Brasil. E o ciclismo é apenas mais um exemplo disto.
Então se dedicar a um esporte para manter um nível competitivo é bem complicado e envolve muita coisa além da vontade do atleta.

Com o ciclismo é a mesma coisa. Eu que não pretendo competir em nada, somente participar das “provas” da temporada que vem do Audax Rio de Janeiro já vejo que para comprar alguns bons itens par a minha bike terei duas alternativas:

  1. Comprar aqui no Brasil nas loja do ramo e pagar uma fortuna;
  2. Importar e pagar 60% de imposto (ou dar a sorte de não ser taxado).

Bem, com meus planejamentos de viagem para as férias do ano que vem, o siri que mora no meu bolso não me deixa se quer colocar a mão no bolso para esquentá-las, quanto mais para tirar minha carteira de lá 😉
Então go to eBay, bikewagon.com, chainreactioncycles.com, etc e comprar de lá.

Recentemente queria trocar meu capacete por um descente. Assim como capacetes de motos os de bike tem uma gama enorme de “marcas” (isso quando informa a marca do mesmo), modelos e preços. Há aqueles em que tu olhas e já sabe que teu crânio estaria mais protegido em uma casca de coco verde do que naquilo, então procurei um da marca Giro ou da Bell.
Nas loja do ramo não sairia por menos de 150 pilas um destes. No ML (Mercado Livre) só achei um camarada vendendo um Bell usado para mtb (mountain bike) por 100 Reais + frete. Na boa, não pago mais de 50 Reais em um capacete usado, pois se um dia o mesmo já sofreu um impacto deve ser DESCARTADO e a cada três anos também (logo se não é um modelo de um fabricante que renova as linhas de produtos, tu não saberás de que ano é aquilo que compras).

Solução, pesquisar no eBay por um desses capacetes.
Achei uma loja muito boa nos EUA, a Bikewagon. Digo boa por:

  • Tem um perfil muito qualificado no eBay além de ter no seu site um e-shopping completo também;
  • O atendimento por e-mail (somente em inglês) é muito eficiente e atencioso;
  • Os preços estão muito bons, e como estão no eBay fica mole compara-los com coisas novas e usadas vendidas por lá.

Paguei 36 Dólares em um Giro Indicator. E como comprei mais umas coisas o frete saiu 10 doletas por peça. Ou seja, o preço total do meu capacete custou ao todo 46 Dólares (46 * 1.73 = 79.12).

Algumas pessoas têm medo de comprar fora do país. Eu perdi esse medo há muito tempo comprando de bons vendedores do eBay ou de boas lojas/sites como a Bikewagon ou o Deal Extreme. Mas mesmo assim nunca arrisco um valor muito alto (acima de 100 Dólares). Mas estou perto de quebrar essa barreira trazendo um grupo Shimano completo da Bikewagon.

Estou cada vez mais metendo a mão na mecânica da bike. Em tudo que pratico faço o mesmo, meus carros R/C e aviões R/C sempre foram regulados por mim, a bike seguiria essa tendência. Até comprei um DVD sobre mecânica de bikes e postei o review dele aqui no blog.
Duas coisas que comprei pelo eBay foram ferramentas. Uma chave de medição de desgaste de corrente, por 12 Dólares, e uma chave de raios, por 0.78 centavos de Dólar.
Uma chave de medição de desgaste de corrente aqui no Brasil é uma fortuna, e eu não sei porque, pois é extremamente fácil fabricar aquilo (é um pedaço de alumínio).

Chave de medição de desgaste da corrente

Chave de medição de desgaste da corrente

Chave de raios

Chave de raios

Então meu camarada, perca logo o medo do eBay, do PayPal e boas compras 😉

Dica 1: na Bikewagon quem sempre tira minhas dúvidas por e-mail antes de eu comrpar qualquer coisa é a LuAnne, pelo e-mail luanne [at] bikewagon.com. Fale com ela antes de comprar seus itens, tire as dúvidas, cheque a disponibilidade em estoque, cores, tamanhos, e boas compras (se puderem digam que foi indicação deste blog, eu não ganho nada com isso, mas como os caras são muito gente fina eu ficarei feliz de saber que eles estão ganhando clientes brazucas)!

Dica 2: não se assuste se suas compras demorarem mais de 1 mês para chegar. Meu último pacote (capacete) demorou 2 meses e 3 dias. Mas também pegou o carnaval nesse período.

Por hora é isso. Até a próxima.

Anúncios

Sobre jeanjmichel

Analista de sistemas, casado, pai de gêmeas, ciclista amador, professor Padal nas horas vagas e viciado em tecnologia ;)
Esse post foi publicado em dicas. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s